Silvia Rodrigues

Hello! My name is Silvia Rodrigues. I’m an artist, illustrator and graphic designer living in Lisbon, Portugal :)

I aim to create illustrations and artwork with a message promoting mental health, body positivity and women narratives. Every day I apply my 12 years of experience to design images that communicates, engages and inspires.

Illustration has been the primary focus of my career for over 9 years. I’m passioned about making work with a strong message and eye-catching! Whether you want to commission a special project or need something bold and bright to welcome more attention to your business, I have the experience to help you.

For commissions or projects of any kind, please write me at mailsilviarodrigues@gmail.com.
You can follow me on Instagram where I show you my work process and my inspirations. I feel free to check my Facebook .


Education

 2014 - 2016 Master in Painting, Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa, Portugal.
. 2006 - 2010 Illustration and Comics, Ar.Co. Lisboa.
. 2007 - 2003 Graduated in Graphic Design, Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa, Portugal.
. 1987-2000 Lycée Français Charles Lepierre, Lisboa.


Featured

Collective Shows
. "llustração Portuguesa'19" — Lapso Galeria, Setúbal (2019)
. "ILUSTRA 33" — Lisboa (2019)
. "Prata da Casa" — Festival do Clube de Criativos de Portugal, Jardim Botto Machado, Lisboa (2019)
. "Nódoa Negra" — Festival Internacional de Banda Desenhada de Beja (2019)
. "ARTISTICA" — Festival Artistica, Évora (2019)
. "12x12" — Arte Graça Galeria, Lisboa (2018)
. "Da matéria ao traço" — Arte Graça Galeria, Lisboa (2018)
. "Milagro" — Ó! Galeria, Porto/Lisboa (2018)
. "Jungle Fever" — Ó! Galeria, Porto/Lisboa (2018)
. "Let's Look At The Trailer" — Ó! Galeria, Porto/Lisboa (2017)
. "GENDER|BENDER" — Ó! Galeria, Porto/Lisboa (2017)
. “UIVO 5” (2016), Mostra de Ilustração, Fórum da maia
. “PEEPSHOW” — Ó! Galeria (2016)
. “12x12” (2016), Atelier da Travessa, LISBOA
. “de onde para onde” — installation “THEY CAN’T HURT YOU NOW”, Galeria do ISEG, Lisboa (2015)
. “Last xmas” — Ó! Galeria (2014)
. “LOVE BOAT” — Ó! Galeria (2014)
. “SEA TURTLES” — poster for promotion from protecting sea turtles at S.Tomé e Principe with Associação Marapa. Volunteer. (2014) 
. “WALK & TALk festival” — Açores (2013)
. “AVULSO” — Livraria Artes e Letras, Lisboa (2013) 
. "Crazy Cat&Dog People" — Casa Ruim, Torres Vedras (2012)
. “LAMBESOMEN” in “6764.257 KM” (2012). RV Galeria, Salvador da Bahia (2012)
. “MENINA SEREIA” n’A CIÊNCIA É MINHA MÃE
(2011). Feira Laica, Bedeteca de LISBOA

Solo Show
. "Linguaruda" (2017). Ó! Galeria, Lisboa
. “Cartão de Visita” (2013), show with works from 2008 to 2013. Galeria Vermelha, AMAC (Auditório Municipal Augusto Cabrita), Barreiro
. “CARNES QUE VOAM COMO-AS À MÃO” (2012). Casa da Avenida, Setúbal


Books
. "Nódoa Negra" — Comics Anthology. ed. Chili Com Carne (2018)
. "Linguaruda" Artist book (2018)
. “QCDA#2000” — Collective project with Amanda Baeza, Hetamoé and Sofia Neto. ed. Chili Com Carne (2014)
. “canários” in “Mesinha de Cabeceira #23”, ed. Chili Com Carne (2013)
. “20 YEARS OF MESINHA DE CABECEIRA” — Estação Elevatória a Vapor dos Barbadinhos, Lisboa (2012)
. “OS BICHOS” in “FUTURO PRIMITIVO”, ed. Chili com Carne (2012)
. “BORING EUROPE” — ed. Chili com Carne (2011)
. “CUME DE UM FÓSFORO” in “DESTRUIÇÃO
ou BD’s sobre como foi horrível viver entre 2001 e 2010”, ed. Chili com Carne (2011)
. “SOU DAQUELAS” — Self published fanzine (2010)
. “A PEDRA COM OLHOS” — author Carlos Geadas. ed. Difel, Medialivros (2010)
. “ramb.unc.tious” in “CRACKON Antologia de Banda Desenhada Portuguesa”, ed. Chili Com Carne (2009)
. “OS INDIFERENTES” — author José de Matos-Cruz. Editora Padrões Culturais (2009)


Articles (in portuguese)

Eu sou a Sílvia e cultivo o grotesco</a>no P3, Público.

Sou daquelas. Sílvia Rodrigues (auto-edição). Pequeno fanzine de uma ex-aluna do curso de banda desenhada e ilustração do Ar.Co e que participou no volume colectivo Destruição!, esta é uma heteróclita colecção de imagens, mas que volitam sobretudo em torno da memória de infância, notável pela inclusão de fotografias de crianças, de um índice descritivo e até mesmo por directamente revelar explorar a “memória, retrato, infância, máscara, boneco”… desenhos e colagens, colagens de desenhos, alterações de fotografias, oscilando entre as poucas cores e breves explosões cromáticas , é um questionamento e um moldar dessas mesmas memórias de modos livres [...]. - Pedro Moura, LerBD, 20 de Fevereiro de 2011

também vive de Nostalgia mas esta da sua infância - e dos seus familiares. As ilustrações parecem exercícios de colagem de memórias - que são fotográficas como mostram as "guardas" deste zine impresso a lazer a cores em formato A6. Há sorrisos imortalizados pela e para a câmara fotográfica, figuras transformadas em enormes peluches e bonecada com um trago "vintage" - "vintage" esse português, e não o "vintage" norte-americano cliché que vários idiotas procuram. Sobretudo o registo documental do zine tem um efeito perturbante, lembra cores e ambientes de um passado em Portugal, que a mobília Ikea e lutadores de Wrestling irão apagar ao uniformisarem a paisagem e imaginação. - Marcos Farrajota, Blog Chili com Carne, 12 de Abril de 2010

Destruição! AAVV (Chili Com Carne) Sílvia Rodrigues, numa esparsa e silenciosa sequência, explora alguns dos temas e formas usuais da banda desenhada feminista, uma aparentemente simples, mas subtilmente conturbada representação de expectativas. [...] - Pedro Moura, LerBD, 5 de Outubro de 2011

A Pedra Com Olhos (PRÉMIO DE REVELAÇÃO da Associação Portuguesa de Escritores) relata-nos a experiência de vida de uma pedra. Através do olhar desta pedra, questiona-se, de uma forma ligeira, o sentido da própria vida e o lugar de cada ser nessa mesma vida e no mundo.A história foi ilustrada pela Sílvia Rodrigues, numa abordagem que, tal como a história, ousa desafiar o expectável, alinhando-se assim perfeitamente à palavra, num resultado muito agradável, pleno de textura, ritmo e cor. - Carlos Geadas, autor de A Pedra com Olhos

Using Format